Categorias: Kids, Por onde andei, Viagens & Lifestyle

A cidade de Manaus fica localizado no estado do Amazonas, norte do Brasil e tem um grande movimento de turistas o ano todo principalmente estrangeiros. La esta a porta de entrada para a maior floresta tropical do mundo e com uma biodiversidade exuberante. Por estar próximo a linha do Equador, o clima por la é tropical  e não tem temperaturas baixas, chegando até 40 graus com muita umidade. O que diferencia as duas estações é a chuva! Quandochove” esta no inverno e quando esta naseca, no verão! Eu tive a oportunidade de vivenciar um temporal tropical (atípico em julho) e garanto que os raios e trovões dessa região são impressionantes. Na época de junho a agosto, os rios estão cheios devido a muita chuva de novembro a março. Por isso, conseguimos viajar de veleiro tranquilamente e andar de barco pelos igarapés do Rio Negro. Para que possa conhecer o máximo do que a selva pode te oferecer hotéis de selva e cruzeiros fluviais são as melhores opções.

MV Desafio

Nessa minha viagem,eu estava com minha filha de 05 anos e decidi ir viajar de veleiro para poder ter a experiência (incrível) de dormir no barco e realizar passeios noturnos, caminhadas, contato com animais e muita floresta.

O veleiro possui a capacidade para 24 pessoas em 11 cabines. A acomodação é pequena e confortável.com categorias diferentes, tinha bombons e kit banheiro Granado. #adorei.

A mala para essa viagem deve ser compacta e com poucas roupas, afinal são apenas 04 noites! O repelente, protetor solar, boné, tênis, calças e manga comprida são super necessárias! Apesar do Rio Negro ser acido o suficiente para espantar os mosquitos, tem uma caminhada na floresta que pode ter mosquitos. Alias, tem mosquitos! Assim que chegamos fomos recebidos por um coquetel colorido e cheio de frutas e sabores da Amazônia, o que foi refrescante também após chegada direta de SP. Pegamos voo pela manha Sp->Manaus e seguimos direto de transfer para o porto.

 

 

Estávamos ansiosas para o passeio noturno, minha filha Beatriz de 05 anos tinha os olhos brilhando.A selva escura e brilhantes. Não enxergávamos nada ao sair de perto do veleiro e ao poucos íamos conseguindo reconhecer a paisagem e admirar a natureza de forma tão selvagem no período noturno. Ouvir a selva, a água, os animais, e o céu me emocionou. Os animais mudam nesse horário, e os jacarés estão dormindo nas águas e bicho preguiça la na copa das árvores, coruja noturna linda e sapos a cantar!

O por do sol costuma ser colorido e a possibilidade de ver muitas estrelas com certeza são infinitas. Tivemos um passeio para ver as estrelas e conseguimos avistar um pequeno meteorito, coisa de Deus mesmo!

Devido à alta do Rio Negro, por ali não se tem muito peixe, então os botos cor de rosa que são de águas profundas, se afastam em busca de comida. Assim, através de peixe, a família da casas flutuantes consegue interagir com um grupo de botos nessa época. Eu pude mergulhar com o boto e ter a certeza que valeu a pena estar ali. Durante todo o trajeto e passeio de barco tivemos a oportunidade de ter boto cor de rosa nos acompanhando. Além deles tem o cinza que também aparece na superfície.

 

 

A selva amazônica possui características únicas e por conta da sua localização se faz muito importante para o planeta. Ao chegarmos perto do arquipélago de anavilhanas pudemos ver de perto uma vegetação típica da região com 400 ilhas, Por la, entra com autorização e toda e qualquer alteração, caça ou extrativismo esta proibido. As árvores são altas,verdes que ficam mais verdes quando brilham no rio negro.

A comunidade que visitamos tem uma vida baseada nos valores indígenas e são 50 pessoas no momento, a apresentação de uma prévia dos rituais, musica e coreografia me mostrou como conseguimos viver de maneiras tão diferentes e que por alguma maneira nos faz ter encontros que nos ensinam a cuidar da Mãe Terra. A minha filha ficou super feliz, emocionada, encantada de saber que existe aquela comunidade.

A trilha de 01 horas na selva foi tranquila e sem muito calor, eu estava com medo da umidade, mas me surpreendi por ser fresca a selva. A parte interessante e experimentar e conhecer plantar e ervas medicinais e como os índios usavam e como a cosmética e industria farmacêutica de todo o mundo tentar utilizar essas ervas.

Caminho da canoa significa igarapé em tupi. Uma experiência bem rica para entender como o ser humano se adapta a final por ali, para se viver precisa de casa flutuante ou palafitas. O caminho estreito com galhos, arvores enormes, arvores menores, passarinhos, macacos, piranhas, bicho preguiça pudemos ver o que acontece na selva na época de cheia Na época de seca, e possível muitas vezes andar no igarapés e igarapos, tornando também um visual de selva muito bonito.

Viajar com crianças para Amazonas

 

Eu fui viajar com a Beatriz de 05 anos para a Amazônia e como sempre busco aprender algo com o lugar que decidi visitar, nesse caso o contato com a viagem foi indicada como ideal para crianças e ao chegar no barco tinham mais 6 crianças e adolescentes, ou seja, clima familiar. Apesar de eu sempre tentar proporcionar para a Bia a experiência de conviver com pessoas de diferentes culturas, o povo indígena,ribeirinhos e caboclos encantaram a Beatriz. Pude vê-la dançar, brincar, admirar os animais, ter contato com a floresta, com a água do rioe de uma maneira mais simples e rústica termos momentos de paz e conforto. Nós nos colocamos em situações novas tanto para mim como para ela que nos fez fortalecer os laços da confiança de que acima de tudo sempre estaremos juntas.

Para que tudo possa ser o mais adequado a todas as situações algumas medidas são importantes, e algumas aprendi a planejar por ter cometido falhas técnicas, digamos assim! mala dos filhos são mais elaboradas do que a nossa, então começar pelas deles, ajuda muito a ir durante o processo de pre-viagem a lembrar dos itens:

capa de chuva – bota – blusa de frio – coberto leve

brinquedo – remédios – protetor solar- repelente.documento com foto

autorização de viagem – confirmar passaporte na bolsa antes de sair

O horário do voo tem que ser a noite se possível assim as crianças jantam, veem filme e dormem. Se for de dia, carregar,ipad, levar fone de ouvido, lápis de cor e livrinhos.Algumas companhias aéreas têm a possibilidade de pedir alimentação kids (se informe na hora do check in).

A opção de mesclar momentos com agência de viagem, com passeios em grupos e passeio individuais, ajuda na segurança da família em lugares desconhecidos. Ter os vouchers impressos, com telefone de cada lugar, com o nome de quem vai te receber facilita a viagem.

 

 

A agenda da viagem tem que ser compartilhada com as crianças para que evite surpresas ou ansiedade. Antes de dormir ou ao acordar dividir como será o dia seguinte e o que será feito pode colaborar com o comportamento das crianças. Nessa viagem, tivemos de acordar antes da 6 da manha para saída e a Beatriz despertou ciente que tínhamos que aproveitar a selva e ajudou muito a se vestir e ate pegar o colete salva-vidas.

No roteiro seria importante sempre mesclar passeios de adultos, crianças e descanso. Por mais que nos queremos aproveitar o máximo do lugar, ter um dia para ficar na pousada ou um período sem passeio para dormir um pouco mais faz toda diferença na rotina das crianças que não estão acostumadas a tanta informação, energia, comida e quarto diferente.

Crianças precisam se alimentar: amêndoas, bolachinhas, caixa de bis,água, suco e o que seu bebe ou criança precisar na hora da fome fora de hora! Nem sempre encontramos o que comer nos locais que estamos de passagem..e isso acontece muito! Se tem crianças, tem que ter lanchinho na mala.

A malinha do dia também tem que ser planejada:kit água, fralda, lencinho, lanche, bolacha, suco, protetor, repelentes, capa de chuva, casaco, toalha..e ai quem a é mãe sabe o que não poder faltar para seu baby!

Espero que se inspirem a viajar com seus filhos sem se importar tanto com detalhes e luxos. Em muitos momentos o que vale e a emoção de estar juntos em momento únicos que ficarão para sempre na memorias das nossas crianças!

 

 


 

Se quiser saber mais sobre essa viagem deixe sua pergunta ou comentário!

A Amazonas tem ser apresentada para nossos filhos como algo que temos a missão de preservar nesse nosso pais! Obrigada a todos da Pisa Trekking e MV Desafios, foi um prazer!

DICAS DE MANAUS

Dica Hotel de Selva :

Juma Lodge

Dica Hotel na Cidade :

Go Inn Manaus 

Restaurante :

 Banzeiro

Deixe seu comentário!